Pterígio

O pterígio, de nome complexo, mas de incidência bastante comum, consiste no crescimento de um tecido vascularizado em direção à córnea. Apresenta um aspecto de carne avermelhada que surge, mais frequentemente, no canto medial dos olhos.
Em casos mais avançados, há uma ameaça séria à visão e a indicação de tratamento pode chegar a ser transplante de córnea.

Tratamento

Se o pterígio é pequeno e não ameaça o centro da visão, apenas o uso de colírios lubrificantes e vasoconstrictores podem aliviar o olho seco e a vermelhidão. Em casos mais avançados e nos quais o incômodo é grande, inclusive com comprometimento estético, o tratamento indicado é a cirurgia.

Clínica Olhos oferece uma cirurgia de pterígio menos invasiva, sem pontos de sutura. Usa-se, em vez disso, uma cola de fibrinogênio, o que torna a recuperação mais rápida, com pouco incômodo e diminuição de reincidências, além de proporcionar um resultado estético mais satisfatório.

Sintomas

O paciente com pterígio sente os olhos secos, irritados e incômodo com o surgimento do corpo estranho. Vermelhidão, ardência e queimação também são reclamações frequentes de quem está com a complicação.

Prevenção

O pterígio tem uma forte influência genética e pode piorar devido a fatores ambientais, principalmente exposição à luz solar e ao calor intenso. O uso de óculos escuros com proteção ultravioleta é uma forma de prevenir o surgimento.